SPA Automotiva


Dicas de Manutenção

Aqui você encontra as melhores dicas para o seu carro, disponibilizadas por fabricantes.
Veja como é fácil e importante cuidar bem do seu automóvel.

VEÍCULOS FLEX

A tecnologia atual dos veículos flex permite que você abasteça seu carro com álcool, gasolina ou uma mistura dos dois. Para saber o mais vantajoso multiplique o valor da gasolina por 0, 7, caso o preço do álcool esteja mais barato que o resultado encontrado dê preferência para o álcool, porém alguns cuidados que você jamais deve esquecer:

Sempre que reabastecer, ao sair do posto percorra pelo menos 15 minutos com o veículo para que o módulo se ajuste ao combustível novo;

Sempre verifique o nível do reservatório de gasolina para partida à frio e só use gasolina aditivada no mesmo;

1 vez por ano faça uma manutenção e limpeza do reservatório de gasolina com a total substituição da gasolina velha e verificação de possíveis vazamentos.

TROCA DE OLEO

O óleo do motor é tão importante como o sangue em nossas veias, e o óleo se deteriora durante o uso. Para um ser humano ter boa saúde, ele deve cuidar da alimentação e freqüentar o médico regularmente, para seu motor tenha vida longa ele também deve receber combustível de boa qualidade e a cada 5.000 km ou 6 meses você deve trocar o óleo e o filtro de óleo na sua oficina de confiança (no caso de óleo mineral).

Alguns óleos sintéticos duram até 10.000 km ou 9 meses (o que ocorrer 1º).

Verifique regularmente o nível e caso tenha que completar o nível, use sempre o mesmo óleo especificado na etiqueta. Jamais misture óleos minerais com sintéticos e vice-versa.

Fique atento às etiquetas de óleo no pára-brisa.

PARTE ELÉTRICA

Inspeções da parte elétrica do veículo como luzes, ventilação, bateria, alternador, etc. devem ser feitas pelo menos 1 vez por ano, pois a manutenção preventiva além de evitar multas, elimina a possibilidade do carro te deixar na mão naquele momento que você mais precisa dele...

PALHETAS

As palhetas só são lembradas naqueles dias de chuva, porém devemos saber que são muito importantes para a nossa segurança, custam muito pouco e dever ser substituídas 1 vez por ano.

OBS: palhetas ressecadas não limpam com eficiência, fazem barulho e riscam o pára-brisa.

MOTOR

No dia a dia do seu veículo, procure sempre controlar dados básicos do motor, como ruídos anormais, falhas de funcionamento e consumo médio de combustível.

Jamais espere um pequeno "barulhinho" aumentar para ir na oficina pois o conserto pode ficar mais caro. Procure trocar o óleo e fazer manutenção sempre na kilometragem indicada na etiqueta de manutenção fixada na parte superior do pára-brisa.

LUZES E INFORMAÇÕES DO PAINEL

Ao dirigir, procure ficar a tento às informações do painel. Na maioria dos carros, ao se ligar a chave luzes de carga alternador (indicado por uma bateria ) e de pressão de óleo ( lâmpada de Aladim ) se acendem.

Assim que o motor entra em funcionamento essas luzes se apagam e não devem se acender com o motor em funcionamento. Se em funcionamento. Se a luz de óleo não se apagar desligue IMEDIATAMENTE o motor e procure auxilio do seu mecânico ou acione o seguro caso o veículo tenha seguro, jamais ande com o veículo nessa condição pois, os danos ao motor podem ser de grandes proporções.

Em casos de temperatura acima do habitual ou luz de temperatura acesa proceda da mesma forma descrita para pressão de óleo.

Esses detalhes fazem grande diferença no custo de reparação do veículo, portanto fique atento!

FREIO

De grande importância para a nossa segurança o sistema de freios do veículo requer atenção toda vez que o veículo vai para oficina para manutenção preventiva.

Checar a regulagem do freio de mão, desgaste de pastilhas e substituir o fluido anualmente são assenciais.

Uma manutenção preventiva no sistema de freios custa em média 3 vezes menos que uma corretiva quando por exemplo as pastilhas danificam os discos impossibilitando sua retifica e / ou fluido de freio contaminando por umidade danificam o cilindro mestre.

Nos veículos equipados com freio ABS os custos de reparo em caso de descuido são ainda maiores.

COMBUSTÍVEIS

Seja qual for o combustível do seu carro, álcool ou gasolina, procure sempre abastecer em um único posto (de preferência à postos de bandeira com grande movimento diário e que estejam localizados no seu trajeto mais freqüente), guarde sempre as notas fiscais de abastecimentos, pois em caso de adulteração seus prejuízos podem ser ressarcidos.

ARREFECIMENTO

O Sistema de arrefecimento é o responsável pelo controle da temperatura do motor, portanto sua manutenção deve ser feita uma vez por ano ou a cada 20.000 km rodados. O liquido com aditivo deve ser substituído e todos componentes checados.

Veículos em que o fluido está enferrujado ou que apresentam a formação de crostas nas extremidades das mangueiras indicam problemas mais sérios, e nestes casos a revisão inclui troca de componentes como mangueiras, selos, tubos e total limpeza do sistema. O aditivo deve ser usado na proporção indicada pelo fabricante.

SUSPENSÃO

Lembre-se que a pressão dos pneus deve ser checada mensalmente (com os pneus frios ), além disso o alinhamento e balanceamento das rodas deve ser feito a cada 10.000 km, ocasião na qual o rodízio de pneus também deve ser feito.

Nessas ocasiões o profissional sempre checa os itens básicos da suspensão como buchas, terminais, coifas, amortecedores, etc.

A suspensão em boas condições melhora a dirigibilidade do veículo e aumenta a segurança em situações de risco.